Arquivo

Posts Tagged ‘review’

Reviews do Aventuras Galácticas

junho 25, 2009 6 comentários

O Aventuras Galácticas foi lançado no último dia 22/23/25 de Junho, e muitos sites especializados em Reviews de Games já fizeram sua review da expansão. Abaixo, a review dos dois sites mais respeitados do tipo, a GameSpot e a IGN:

GameSpot [1]
Nota: 8/10

Prós: Editor de aventuras fantástico que inspira a imaginação • Traz o encanto do Estágio Criatura novamente ao Estágio Espacial • Ferramentas de compartilhamento inigualáveis.

Contras: Sistema de Colisão sensível demais • Câmera desajeitada as vezes • Texturas mal renderizadas.

IGN [1]
Nota: 7.7/10

Prós: Editor poderoso • Missões extremamente variadas • Estágio Espacial mais divertido • Missões novas a todo momento • Possibilidades absurdamente incríveis. 

Contras: Nenhuma mudança na jogabilidade em geral • Nenhuma modificação para os outros estágios • Não é possível salvar o jogo no meio de uma missão • Falta de dificuldade nas aventuras • Aventuras rápidas demais • Pesquisa de missões na Sporepedia pouco eficiente e muito lenta • Poucas mudanças no jogo, apenas coisas novas.

image image

Principais problemas:
• Missões recém baixadas da Sporepedia demoram muito para carregar.
• A pesquisa na Sporepedia é lenta e pouco eficiente. Você pesquisa por um tipo de aventura, e encontra centenas de missões que não tem nada a ver com o que você procura.
• A câmera pode ser desajeitada algumas vezes. Ao rodar a câmera, fica pior.
• As texturas possuem uma qualidade muito baixa em alguns momentos.
• Para os usuários que jogam com a opção “nível de iluminação” desligados, algumas coisas, como o controle de densidade da atmosfera no Editor de planetas, pode se tornar um pouco inútil.
• Missões são fáceis demais, e rápidas demais. A maioria pode ser completada em menos de 6 minutos.
• O Sistema de colisão com objetos poderia ser melhor. Em alguns momentos, sua criatura ultrapassa paredes e estruturas.
• Se as missões da Maxis já são fáceis, você deve imaginar o que o jogo acabou “pegando” da Sporepedia, de outros jogadores que provavelmente estavam “testando” o editor de missões.

• Aventuras Galácticas é obrigatório para os fãs do SPORE, que realmente são viciados no Estágio Espacial ou no Estágio Criatura. Para quem esperava mudanças para outros estágios, espere pela próxima expansão.

Review do Aventuras Galácticas por Parkaboy

maio 17, 2009 1 comentário

Nos últimos dias, a Maxis convidou alguns criadores famosos da Sporepedia para testarem o Aventuras Galácticas no estúdio da Maxis em Emeryville – EUA. Eles fizeram e irão fazer algumas pequenas reviews e revelar detalhes da expansão para nós. Abaixo, Parkaboy falou sobre algumas coisas que ele viu em seu teste com a expansão.

Traduzido pela SporeModding. Dê os créditos.

O Sistema de detecção de colisão das estruturas está muito bom, mas não está perfeito. Se você redimensionar uma estrutura (Sim, será possível) no tamanho máximo, sua criatura poderá passar por dentro de algumas partes das estruturas. Mas você pode usar Portões invisíveis para bloquear a passagem de sua criatura, e impedir esse tipo de problema. Eu fiz isso em uma missão, para simular uma parede de vidro transparente. Apesar de tudo, esses bugs não atrapalham em nada, já que normalmente, apenas o pé de sua criatura irá ultrapassar paredes.

Os interiores das estruturas funcionam muito bem, mas você terá que criar interiores grandes e largos, para não dar problema na câmera do jogo. Você também pode torna-lós modulares, já que você poderá usar toneladas de estruturas (você poderá usar até 5 páginas de cada tipo de criação (Criatura, veículo, estrutura, etc ).

Você pode disfarçar objetos como chaves, portões ou grades, com qualquer criação. Você não precisa muito se preocupar sobre o tamanho das criações. Vamos dizer que você tem um grande Prédio para usar em uma missão. Você pode usa-ló como uma pequena casa, ou um grande arranha céu, ou então, pode deixa-ló pequeno e fazer com que ela seja uma chave, por exemplo. Até aonde se pode redimensionar um objeto varia de acordo com seu tamanho original.

Existem vários filtros que você pode colocar em suas aventuras, e os jogadores que jogar sua missão irão ter que jogar com esse efeito ativado. Você apensa terá que usar o cheat “adventurelook-sépia”. Mas é apenas um exemplo de muitos outros estilos e efeitos.

Você pode criar muitas coisas complexas com a combinação de certas metas, combinando diferentes comportamentos das criações em diferentes atos, e ainda usar o editor de I.A avançado.

Você sabe que para fazer uma boa criatura, você precisa de vários minutos, mas você também sabe que é preciso horas e horas para fazer um excelente trabalho, certo? Bem, você pode fazer uma boa aventura em 2 dias, mas você irá necessitar de pelo menos uma semana para obter uma aventura perfeita, que encha a complexidade totalmente. Isso porque você vai querer brincar e testar os efeitos para tonar sua aventura perfeita e linda! Existem muitos tipos de efeitos de iluminação, teias de aranhas, explosões, e até cachoeiras!

Sobre a complexidade, é realmente enorme! Terminei minha missão e o medidor ainda estava verde! Estou bastante certo que você poderá usar toneladas de coisas em suas missões. Penso que poderemos usar até 50 diferentes criações (isso tirando as muitas copias que você irá poder fazer delas) em cada categoria – criatura, veículo, edifício, objetos e atos – e há também os efeitos, sons, e objetos fixos (a MAXIS irá incluir muitos objetos como barracos, ninhos, rochas, fontes, fósseis, etc). Estou bastante certo que você poderá usar até 50 coisas de cada tipo. Você provavelmente vai poder fazer uma cidade bem grande e bonita em um planeta, se você usar grandes edifícios.

Existem 2 tipos de invisibilidade: você poderá fazer um objeto invisível, mas que ainda irá funcionar, como um bloco de salto, sua criatura não irá vê-ló mais irá saltar quando passar encima dele. Mas você também pode fazer com que qualquer criação (criatura, construção, etc…) fique invisível e sem funcionamento, mas que volte a ficar visível e funcionando quando você atingir um determinado ato, e assim, poder fazer com que cosias apareçam apenas depois de um determinado ato concluído.

LINK
Notícias sobre o Aventuras Galácticas
Sobre o Aventuras Galácticas

Via Sporedum.

G4 TV Review – Exemplo de missões

abril 10, 2009 Deixe um comentário

O site G4 TV testou o Aventuras Galácticas, é fez uma detalhada review. Ela também deu 3 exemplos de missões, que mostram como o editor irá ser poderoso e complexo. Nos traduzimos essa parte. Para ler a Review completa, em inglês, clique aqui.

Eu joguei algumas missões é fiquei impressionado com a variedade de possibilidades. A primeira missão me colocou em um planeta que estava em Guerra entre duas fações. Eu era aliado de uma espécie indígena de criaturas, e meu objetivo era se infiltrar e destruir uma nave inimiga. No inicio, eu escapei de uma batalha que estava acontecendo entre duas facções, eles começaram a lutar bem no meu caminho. Eu então, fui até o portão e explodi ele com algumas rajadas. Isso revelou uma instalação que ocupava uma grande coisa que servia para teleportar você para a nave, que estava atrás de um campo de força. O chefe da tropa tinha a chave, e isso diminuiu o campo de força. Eu entrei dentro da nave, e tive que explora-ló até encontrar o reator principal da nave, e depois, destruí-ló. E então, eu tive 30 segundos para escapar dela, e então, eu completei a missão em um tempo normal. Se a missão for compartilhada, outros jogadores podem fazer tempos melhores, e tudo é comparado pra ver que foi o melhor nessa missão. Legal!

Então é complicado criar uma missão igual a essa? Não. O Editor é muito simples de se mexer, mais muito, muito poderoso. Uma boa missão pode ser feita em 20 a 30 minutos. Cada missão pode ter até 5 atos, que podem ser ativados quando outro ato é concluído. Os atos da missão que eu joguei acima, foram Destruir a porta, Use o teleporte, Destrua o reator e por final, “Escapar da nave”. Existem muitas possibilidades de concluir cada um deles.

A batalha entre as facções que aconteceu na minha frente, como eu disse acima, foi muito simples de criar. As duas facções foram fixados em um lugar do planeta, e foram configurados para serem agressivos uns com os outros. Depois disso, a inteligência artificial pode fazer o resto do trabalho. O jogador pode criar cenas que são apenas para enfeitar o cenário, ou realmente envolver o jogador nelas.

Para mostrar a variedade das missões, a próxima que eu joguei foi algo em torno de Futebol do Spore. Eu fui colocado em um planeta com um campo gigante de futebol, e eu agarrei uma chave, que funcionava como uma bola. Esse objeto poderia ser disfarçado de diversas maneiras, mas terá sempre a sua funcionalidade original. Quando eu peguei a chave, isso ativou um novo ato, que fez com que várias criaturas defensivas fossem tirar satisfações comigo, e tentar me fazer medo, e depois, matar o capitão. Meu trabalho era correr até a zona final, que é ativada com a chave. Foi uma missão muito rápida, mais muito divertida.

A ultima missão era um tipo de boliche no jogo. Eu tinha que atirar em uma criatura, que quando foi atingida, começou a correr em linha reta pelo cenário. Eu tinha que mirar e acerta-la, o que não era tão fácil assim. Depois de acertar, uma nova criatura era reposta e eu poderia dar outro tiro.

Fonte: G4 TV
Resumo traduzido pela SporeModding. Dê os créditos.

Categorias:Expansões, Notícias Tags:, , ,

Primeiras criticas do Aventuras Galácticas

abril 10, 2009 Deixe um comentário

O Site Kotaku testou a expansão Aventuras Galácticas, e junto com ela, deu alguns altos e baixos sobre ela. Você pode ver as primeiras criticas sobre a expansão também. Podemos ver, que a expansão não deve ser uma revolução, e sim, algo que só deve ser adquirido mesmo por nós, viciados fãs do Spore.

No entanto, a review também mostra que o Editor realmente será muito poderoso, e as missões terão possibilidades infinitas. Confira.

Seja como essa expansão for efetiva, ela não muda absolutamente nada sobre a engine principal do jogo. A expansão não aborta todos os aspectos críticos do jogo, e você não vai fazer nada particularmente novo no Estágio Espacial, e nem vai mudar nem um pouco o seu modo de joga-ló. Isso não significa que é uma expansão ruim, mais, é uma expansão que só deve agradar os fãs do jogo.

Você joga as missões do mesmo jeito que você joga o Estágio Criatura, a parti de uma visão de trás de sua criatura. No entanto, muitas vezes um monte de coisas atrapalha sua visão, como estruturas, árvores, veículos, etc. Esse tipo de problema torna o controle do personagem principal mais difícil, e não é como em um jogo de aventura, principalmente se você estiver jogando em uma missão com uma cidade com muitas estruturas.

Todas as missões podem possui itens. Você pode criar o seus próprios itens ou escolher entre uma ampla variação que a Maxis vez para você, e em seguida, arrasta-los e solta-lós em sua aventura. Depois disso, você pode optar em definir o comportamento de quase todas as coisas. Por exemplo, no ato 1, você pode colocar vários veículos escondidos em uma cidade. E então, no ato 2, você pode fazer com que eles apareçam, de modo que quando o jogador concluir o ato 1, os carros aparecem e vão até ele. Você também pode disfarçar objetos em outras coisas, como colocar uma mina disfarçada de um bolo.

O Editor de planetas foi muito pedido para a versão Final do Spore, é eu estou feliz que a Maxis tenha incluído ele nessa expansão. Você não pode realmente mudar o tamanho de um planeta, mas você pode personalizar as cores, o clima, a água, e criar algumas formações climáticas que você nunca viu antes.

Clique aqui para continuar a ler a preview, em Inglês.
Resumo traduzido pela SporeModding. Dê os créditos.

Fonte: Kotaku e Sporedum

TVG: Review do Spore Aventuras Galácticas

janeiro 27, 2009 9 comentários

O Site TVG teve um rápido demonstrativo do Spore Aventuras Galácticas e fez uma review, que revela algumas poucas, mais novas informações interessantes. Confira.

Focado em expandir o Estágio Espacial para algo mais profundo, Aventuras Galácticas visa em evoluir o núcleo central do jogo principal para uma próxima etapa logica. Com novas ferramentas e armas para colocar em sua criatura, Aventuras Galácticas possui uma grande proposta: Criação de aventuras, Criação de planetas e tudo mais na Galáxia Spore.

Assim como na versão original do Spore, os novos criadores visam em ser intuitiva e acessível para outros milhões de jogadores criarem conteúdos próprios. Controles deslizantes podem configurar uma gama de opções para seu planeta, como o nível do mar, temperatura global e até mesmo a cor do terreno. Abaixando a temperatura de um planeta, você consegue transformar as águas em gelo e ter climas congelados, enquanto aumentar a temperatura pode deixar a superfície com um aspecto infernal de lavas, com incêndios e bolas de fogo por todos os lados. Você pode também alterar a altura e a densidade das montanhas e colinas. Esses níveis e opções configuráveis mostram apenas um nível básico que os jogadores serão capazes de criar com o Aventuras Galácticas. Você pode escolher o nível e as vegetações de seu planeta, e ajustar a cor delas, escolher edifícios e decidir aonde coloca-lós e adicionar veículos em qualquer parte do planeta, e oferecer alguns detalhes e reações para tudo isso. Os jogadores ainda podem arrastar músicas ou frases e falas sobre determinadas áreas, e assim, elas podem ser acionadas quando o jogador passar por elas. Você pode adicionar uma música de suspense quando o jogador atingir uma parte da missão, por exemplo.

Clique no link abaixo para continuar a ler o resto dessa review.

Leia mais…